Wine Brands Brasil

MINHAS COMPRAS

Risotos

Risotos são um prato cheio para combinações com vinhos.

Aqui deve-se seguir o mesmo raciocínio empregado no caso das pizzas: o que vai harmonizar com o vinho não é exatamente o arroz do risoto, e sim o ingrediente "principal" do prato. Sendo assim, um risoto de legumes pode ser perfeita companhia para brancos frescos e frutados, como Sauvignon Blanc, Pinot Grigio ou um Chardonnay fresco e sem madeira.

Um risoto de salmão, por sua vez, pede um branco de boa presença, como um chardonnay um pouco mais potente e complexo. Já o clássico e aromático risoto de funghi secchi pede um tinto leve, como Pinot Noir, Gammay ou Bonarda, ou até mesmo um tinto médio, como Merlot ou Syrah, desde que sejam elegantes e pouco tânicos.

No outro extremo, um risoto de rabada, por exemplo, uma carne escura e sabor característico, pedirá um vinho mais potente e tânico, para fazer frente a gordura, a suculência e ao sabor marcante da carne. Boas opções nesse caso são um elegante Cabernet Sauvignon, um tradicional corte bordalês, um tânico varietal Petit Verdot do novo mundo, um Barbaresco ou um encorpado Barollo.

Assine a nossa Newsletter e receba ofertas exclusivas